Parcerias

BE-Basic Foundation

BE-Basic Foundation

Holanda
(março/2016 e setembro/2016)

A BE-Basic Foundation (Biotechnology based Ecologically Balanced Sustainable Industrial Consortium) é uma parceria público-privada internacional que desenvolve soluções industriais baseadas em “bio” para construir uma sociedade sustentável. O BE-Basic Program foi fundado no início de 2010, originalmente coordenado pela Delft University of Technology (TU Delft), e em 2012 o programa tornou-se parte de uma nova estrutura, o BE-Basic Foundation, tornando-se assim uma entidade jurídica independente.

Consulado Geral do Reino dos Países Baixos em SP

Consulado Geral do Reino dos Países Baixos em SP

Holanda
(outubro/2016)

O Consulado representa os interesses do governo holandês, com tarefas principais nas áreas de economia e comércio, política, assuntos consulares, e imprensa e assuntos culturais. A Holland Innovation Network, que faz parte da rede diplomática da Holanda no Brasil, promove as relações de inovação, tecnologia e ciência entre Holanda e Brasil, por meio de aquisição e de transferência de conhecimento, criação de redes e promoção de colaborações entre empresas, universidades e institutos de pesquisa.

Fraunhofer

Fraunhofer

Alemanha
(novembro/2016)

A Fraunhofer-Gesellschaft é a principal organização de pesquisa aplicada na Europa. Suas atividades de pesquisa são realizadas por 69 institutos e unidades de pesquisa em toda a Alemanha e direcionados inteiramente às necessidades das pessoas: saúde, segurança, comunicação, energia e meio ambiente. Centros de pesquisa internacionais afiliados e escritórios de representação fornecem contato com as regiões de maior importância para o progresso científico presente e futuro e desenvolvimento econômico.

Câmara do Comércio Exterior de Campinas e Região

Câmara do Comércio Exterior de Campinas e Região

Brasil
(novembro/2016)

Órgão de apoio e fomento de negócios relacionados ao comércio exterior de bens e serviços e logística, nacionais e internacionais em Campinas e região.

IAR – Le Pôle de la Bioéconomie ião

IAR – Le Pôle de la Bioéconomie

França
(novembro/2016)

IAR é um cluster francês dedicado ao desenvolvimento da Bioeconomia. Reúne mais de 340 integrantes, dentre eles: cooperativas de agricultores, organizações de pesquisa e universidades, startups, pequenas, médias e grandes indústrias, incluindo usuários finais, em torno de um objetivo comum: a valorização ideal de recursos renováveis. O eixo estratégico da IAR são: produtos químicos biológicos, biomateriais, biocombustíveis avançados e biogás, ingredientes para alimentos e alimentos para animais, bem como recursos renováveis.

IAR – Le Pôle de la Bioéconomie ião

IAR – Le Pôle de la Bioéconomie

França-Holanda-Bélgica
(junho/2017)

Projeto integrante do Programa COSME (Programa da União Européia para competividade de empresa de pequeno e médio porte), formado por quatro clusters da área de alimentos: Wagralim (Bélgica), Vitagora (França), Valorial (França) e Food Valley (Holanda). O projeto tem por objetivo desenvolver uma estratégia conjunta de internacionalização, uma estratégia inteligente baseada em uma combinação original de várias especializações interligadas, com foco no aumento da competitividade das PMEs filiadas aos clusters, incentivar o desenvolvimento de indústrias emergentes na Europa e acessar mais facilmente os mercados emergentes.

Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola – FUNDAG

Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola – FUNDAG

Brasil
(junho/2017)

Entidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, que tem por objetivo viabilizar as realizações de projetos de pesquisa científica, atividades de extensão e ensino em agricultura e zootecnia, com destaque para as atividades de: celebração de convênio, acordos e contratos com entidades públicas e privadas, nacionais e internacionais; administração de convênios; orientação e auxílio em registro de patentes e propriedades intelectual; viabilização de consultorias, pagamentos de bolsas de apoio, contratação de mão de obra especializada, importações, etc; dentre outras.

CPqD - Fundação CPqD Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações

Fundação de Apoio à Pesquisa Agrícola – FUNDAG

Brasil
(novembro/2017)

O Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) é um dos maiores centros de pesquisa e desenvolvimento em telecomunicações e TI (tecnologia da informação) da América Latina. Localizado na cidade de Campinas, estado de São Paulo - Brasil, o CPqD atua na pesquisa, desenvolvimento e suporte de diversos setores, tais como industrial, agrícola, telecomunicações, financeiro, energia elétrica, corporativo e administração pública

CNPEM - Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais

CNPEM - Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais

Brasil
(fevereiro/2018)

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) é uma organização social qualificada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Localizado em Campinas-SP, possui quatro laboratórios referências mundiais e abertos à comunidade científica e empresarial. O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) opera a única fonte de luz Síncrotron da América Latina e está, nesse momento, construindo Sirius, o novo acelerador brasileiro, de quarta geração, para análise dos mais diversos tipos de materiais, orgânicos e inorgânicos; o Laboratório Nacional de Biociências (LNBio) desenvolve pesquisas em áreas de fronteira da Biociência, com foco em biotecnologia e fármacos; o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia de Bioetanol (CTBE) investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico; e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) realiza pesquisas com materiais avançados, com grande potencial econômico para o país.